Para investir já: Bolsa saco e Bolsa com franjas!

28-07-2015
Postado por Nuta

A Bucket Bag, também conhecida como Pouch bag ou em bom português, bolsa saco está com tudo. O modelo que foi hit nos anos 90 foi originalmente criado em 1932 pela grife Louis Vuitton e logo caiu nas graças de outras marcas e estilistas. O modelo além de versátil, por ser capaz de se adaptar a diversos estilos, aplicações, materiais, tamanhos e tendências, é conhecido por ser espaçosa e perfeita para mulheres que adoram carregar bastante coisa na bolsa.  Apesar de ser um modelo com uma pegada street, a bolsa saco também funciona para a noite e eventos mais formais. É só investir nas versões menores e delicadas, como a Bolsa Trança da Honey Pie que aliás, funciona super bem para o dia também. O modelo é descolado e cool e ao mesmo tempo,  dependendo das cores e materiais usados, tem um ar romântico. O que deixa o modelo super versátil. Por isso, a bolsa saco é um modelo que você tem que ter no armário!

hp-bolsas-saco

 

De dia: Blusa Lílian (R$250)// Calça Boca de Sino Fake Jeans (R$350)// Bolsa Trança (R$360)

De noite: Jaqueta Léia Preta (R$1200) // Vestido Ashley (R$1300) // Bolsa Trança (R$360)

As bolsas com franjas são eternas queridinhas! E as franjas podem ser de metal, couro, tecido, cobrir toda a bolsa ou só em detalhes como nas laterais. A alça de ombro dá um visual despojado e deixa estilosa qualquer t-shirt com calça jeans. O modelo, independente do tamanho, material ou cor, tem naturalmente uma carinha boho ou western, o que facilita para compor vários looks tanto para o inverno quanto para o verão.  O modelo Hexagono da Honey Pie é super romântico e vai da festa, pro shopping, sem erro! Só saber equilibrar o look.

 

hp-bolsas-franja

De dia: Calça Alê (R$510) // Casaquinho Bel (R$150) // Bolsa Hexagono (R$252)

De noite: Regata Summer (R$110) // Calça Boca de Sino Marfim (R$390) // Casaquinho Wave (R$200)

Curtiram as dicas?

Tags: bolsas

Get the Look: Karlie Kloss

17-07-2015
Postado por Nuta

hp-get-the-look-Karlie-Kloss1

A americana Karlie Kloss é uma das modelos mais requisitadas nas passarelas internacionais. Angel da Victoria’s Secrets, queridinha de Anna Wintour e melhor amiga da estrela pop Taylor Swift, você pode até nunca ter ouvido o nome, mas certeza que você já viu ela por aí. Capa das grandes publicações da moda como Vogue, i-D e Elle, Karlie também estrelou campanhas de marcas como Balmain, Cholé e Chanel.

Mas é fora das passarelas que o estilo dela se destaca. Ela consegue misturar sensualidade com simplicidade como ninguém e sempre usa looks bem confortáveis. Suas peças favoritas são shorts, calças flare, t-shirts, blazers e jaquetas e claro, vestidinhos bem confortáveis. Nos pés, botas de couro ou rasteirinhas. Para a noite, ela investe em peças com recortes, estruturadas e usa poucas estampas.

hp-get-the-look-Karlie-Kloss2

Casaquinho Bel // Calça Boca de Sino Fake Jeans // Blusa Alex // Shorts Fake Jeans

Vestido Sarah

Os looks de Karlie são super fácil de copiar, porque todas nós temos peças assim no armário. E se não tiver, a Honey Pie resolve!

3 documentários para saber mais sobre a indústria da moda

14-07-2015
Postado por Nuta

Vestidos incríveis, glamour, bolsas fantásticas, desfiles em Paris, gente bonita e garrafas de champagne. Esta é a imagem que a maioria das pessoas tem sobre o mundo da moda. Esses três documentários tem como proposta mostra esse universo de uma forma mais realística ou até, de uma forma que vocês nem imaginam. Então pega as dicas desse material maravilhoso para quem quer estudar moda ou apenas ter mais conhecimento e cultura sobre esse universo.

Picture Me (A Model’s Diary) – Sara Ziff 

O documentário “Picture Me” de 2010, foi dirigido pela ex-modelo Sara Ziff e mostra o lado obscuro e predatório da indústria da moda. Sara narra cinco anos na vida de um grupo de modelos, expondo os bastidores que se escondem atrás da maquiagem.

Sena Cech, uma das modelos no filme de Ziff, conta uma de suas piores experiências como uma jovem modelo: “Em um shooting para a revista da Air France, o fotógrafo decidiu usar um flash UV, e queimou as primeiras seis camadas de branco dos meus olhos. Seis camadas de células dos meus olhos! Ela ainda queimou o braço do assistente”.

Essas e outras histórias que você nunca poderia imaginar, estão nesse filme que é um mergulho na indústria da moda através dos olhos das modelos e já digo aqui: Algumas revelações sobre nomes bem conhecidos do universo fashion, são bem chocantes.

Vale assistir e pensar sobre essa “glamourização” da profissão modelo.

The True Cost – Andrew Morgan

Você já parou para pensar no custo de suas roupas e quem são as pessoas por trás da produção das peças que você compra? O diretor Andrew Morgan, depois de ter ficado extremamente comovido com o colapso do Rana Plaza, em Bangladesh, que matou mais de mil trabalhadores da moda, olhou exatamente para essas questões ao fazer o filme “The True Cost” lançado em maio de 2015. O documentário é sobre as roupas que vestimos, as pessoas que as fazem, e o impacto que a indústria (da moda) está tendo em nosso mundo. O preço do vestuário vem diminuindo ao longo de décadas, enquanto os custos humanos e ambientais têm crescido dramaticamente. E por que se fala tão pouco nisso? Quem paga o preço das suas roupas?

Morgan visitou vários países conhecidos mundialmente por serem grandes produtores de roupas para as grandes redes varejistas como Bangladesh, Índia e Camboja e também mostrou o contraste com as passarelas glamourosas. Entrevistas com pessoas que estão liderando o movimento da moda consciente como a estilista Stella McCartney, Livia Firth e Vandava Shiva também fazem parte do documentário que escolheu não só abordar problemas, como também trazer soluções.  Tem no Netflix e tem que assistir!

Dior and I – Frederic Tcheng

O documentário, “Dior and I” também de 2015, oferece uma visão interna da famosa maison Dior. Em março de 2011, a grife demitiu o diretor criativo John Galliano , após o estilista fazer declarações anti-semitas a uma judia. Demorou mais de um ano para anunciar um sucessor digno para chefiar a marca, que é a principal holding do conglomerado de luxo LVMH (a Dior representa 40,9% de suas ações). Com tantos acionistas envolvidos, a decisão foi cuidadosamente calculada.

O documentário é com o então escolhido, novo diretor criativo, o estilista Raf Simon, que apresenta uma visão única dos bastidores da criação de sua primeira coleção de alta costura para a lendária maison. Em seu primeiro ano como diretor artístico da marca, Simon abriu as portas para as câmeras deste documentário, dando acesso ao dia a dia corrido e cheio de pressões de toda a equipe da marca. Dirigido e escrito por Frederic Tcheng, o filme foca no trabalho de Raf e seus colaboradores dentro do ateliê. Tcheng é conhecido por produzir alguns dos mais aclamados documentários sobre moda dos últimos tempos, como “Valentino: o último imperador” (2008), filme sobre o estilista italiano Valentino Garavani, e “Diana Vreeland: o olhar tem que viajar” (2011) sobre a trajetória da editora de moda. Vale super assistir e conhecer todo o processo criativo e de execução de uma marca gigante da indústria.

Curtiram as dicas?

5 Dicas para montar um nécessaire perfeita para viagens

09-07-2015
Postado por Nuta

Você sempre deixa a mala pra última hora e acaba percebendo que faltaram vários itens ao chegar ao seu destino? Ou durante a semana, aparece aquele programa divertido para fazer depois do trabalho e você sente falta de ter algo para dar uma caprichada a mais na make? Seus problemas acabaram! Anota aí dicas infalíveis para a nécessaire perfeita.

necessaire-hpShop Honey Pie: Necessaire Tardis e Geometric // Necessaires de Couro

1) Faça uma Lista!
Um erro muito comum de quem faz a mala em cima da hora é levar a casa inteira, com medo de esquecer alguma coisa. Por isso, faça um checklist com antecedência e pense sobre quais são as coisas que você realmente não fica sem no seu dia a dia. Não esqueça de pensar no que você costuma precisar de dia e de noite. Desta maneira, mesmo que você tenha pouco tempo para reunir os itens, não corre o risco de esquecer alguma coisa.

2) Maquiagem

O ideal é sempre separar as maquiagens com antecedência e pensando nos possíveis programas da viagem. Por exemplo, se você for em uma festa chic, separe aquela sombra especial, ou um passeio no parque, aquele seu batom nude. Sempre ajuda lembrar a sequencia da maquiagem, assim você não esquece itens básicos como corretivo, base e blush. Não esqueça o demaquilante!

3) Medicamentos

Todo mundo deveria entender a importância de reservar parte do nécessaire para remédios. Além dos que você usa sempre, como pílula por exemplo, lembrar de possíveis coisas que podem acontecer como uma dor de cabeça, uma ressaca, alergia ou um pé machucado ou resfriado. É importante levar alguns remédios, principalmente quando viajamos para outros países, já que pode ser complicado comprar sem receita ou sem saber marcas.

4) Utensílios 

Pinça, cortadores de unha, lixas, tesourinhas, gillette, prendedor de cabelo, grampos, escova de dente… E qualquer outra coisa que você use diariamente ou semanalmente, entra nessa listinha.

5) Higiene
Não é muito legal viajar contando que você vai comprar tudo que precisa na viagem porque, às vezes, não achamos o que queremos ou quando achamos está mais caro do que imaginávamos. melhor evitar emergências desnecessárias! Não esqueça cotonetes, carefree, desodorante… Mas, no caso de produtos para higiene pessoal, muitas coisas podem ficar de fora, principalmente porque os produtos são pesados e quando ficamos em hotéis, eles costumam fornecer. A não ser que você tenha preferências específicas, eu deixaria em casa shampoo, condicionador, sabonete líquido e enxaguante bucal. São itens que ocupam muito espaço, podem vazar e além disso, não podem ir na bagagem de mão em suas embalagens próprias. Então avalie a real necessidade e se não for apegada a marcas, use a do hotel ou compre quando chegar.De quebra você pode testar algo novo e se apaixonar!

Curtiram as dicas? E agora quer saber aonde carrega tudo isso? Na Honey Pie tem nécessaires lindas, práticas e que vão te acompanhar em muitas viagens. Garanta a sua lá.